segunda-feira, 7 de abril de 2014

A Psicologia do Esporte



A Psicologia do Esporte ainda hoje é um campo de estudo novo, sem muitas pesquisas à respeito. Algumas faculdades de Educação Física têm aulas voltadas para a Psicologia do Esporte. No entanto, são raras as faculdades de Psicologia que aprofundam os estudos na área. Mesmo com relativa formação insuficiente, profissionais licenciados em Psicologia podem exercer a função de psicólogo do esporte. 

O marco inicial da Psicologia do Esporte no Brasil foi com os estudos de João Carvalhaes, que esteve presente na comissão técnica da seleção brasileira e fez um trabalho pioneiro na Copa do Mundo de Futebol de 1958 e conquistou o primeiro título mundial para o país na Suécia.

Os psicólogos do esporte podem assumir diversos papéis, como educador, disseminando o conhecimento; como pesquisador, com interesse nas descobertas; e como clinico, ajudando os atletas a desenvolverem estratégias psicológicas que os levem ao alto rendimento esportivo.



O trabalho do psicólogo do esporte é auxiliar o atleta para que busque o equilíbrio, tanto físico quanto mental. O psicólogo trabalha no sentido de desenvolver no atleta maior percepção de seu corpo e mente. Os resultados são o aumento da concentração durante as competições, diminuição do estresse, automatização de cuidados básicos, velocidade de raciocínio para melhores respostas durante as competições, entre outras.

Meu interesse por esta abordagem vem da minha criação que foi voltada aos esportes, percebendo dentro das competições as quais já participei como atleta de Jiu-Jitsu que o estado mental é fator significativo para o resultado final.


A verdade é que não importa quão preparado esteja o atleta fisicamente e tecnicamente, pois, caso não esteja mentalmente preparado não atingirá o auge de suas potencialidades. A psicoterapia voltada para essa questão pode influenciar diretamente o rendimento de atletas.

“Quem quer que esteja fisicamente bem preparado pode fazer coisas incríveis com seu corpo. Mas quem junta a um corpo em forma uma cabeça bem cuidada é capaz de feitos excepcionais.” (Alexander Popov, melhor nadador da Olimpíada de 1996)



Dr. Ivo Rafael Pinheiro (CRP-11/08023)
Psicólogo Clínico - Abordagem: Psicanálise
(85) 9154-2062
 
Consultório: 
Torre Saúde São Mateus 
End: Av. Santos Dumont, 5753 - Sala 103 
Papicu - Fortaleza - CE
Tel:. (85) 3265-8210

Nenhum comentário: