terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Cobertura SPFW: Neon



Com a beleza e atitude feminina que todas querem ter, a Neon mostra ser essencial para o futuro da moda brasileira. Exageros à parte, apenas para dizer que o espetáculo preparado comunica sentimento, superação e glamour dos bons. Mais do que ironia e toques surrealistas, a Neon mostra que a mulher quer mesmo é rebolar, e bem.

Preciso dizer que me emocionei com a trilha escolhida (Dire Straits, clássico daqueles direto dos anos 80) e que senti viver a moda do aqui e do agora como poucas vezes, como poucos estilistas fazem. Quantos materiais? Seda, tafetá, gorgurão, malha, plush, jérsey, couro, camurça, veludo, tricô, crepe e linho. Quantas cores? Veja você. Nada de revival, ufa! Dudu Bertholini é um gentleman impecável e Rita Comparato uma gracinha. Que química, que bom que eles existem!

E que os motivos falem por mim:













E para quem curte, olha esse mix só com boas pérolas 80´s:

Nenhum comentário: