segunda-feira, 29 de novembro de 2010

A história do JEANS: funcionalidade x expressão

O texto abaixo foi realizado após pesquisa/prática durante o meu estágio em uma confecção de jeans da cidade de Fortaleza.

---

A história do jeans é fascinante, envolvendo aspectos sociais, culturais e estando diretamente ligada com muitas mudanças de comportamento. Desde o seu nascimento e expansão como item indispensável para o guarda-roupa de todos, o jeans possui uma linguagem unissex e que transita em diferentes territórios. Atualmente, elevou o seu status, sendo um vestuário relacionado ao cotidiano, de característica despojada e símbolo de identidade jovem.

O jeans é considerado uma das maiores inovações (em se tratando do vestuário) do século XX. A história do jeans começa em 1853 quando o imigrante Levi-Strauss observa os mineradores e resolve utilizar lona para fabricar um vestuário que fosse resistente ao trabalho pesado. Logo depois, descobre o denim, material também resistente, porém mais confortável e flexível, e utilizado pelos marinheiros genoveses. E assim, surge o jeans: a partir da necessidade de um vestuário que fosse mais funcional e resistente. Peças de vestuário em jeans são confeccionadas a partir do tecido de algodão resistente e flexível chamado denim.


Propagando estilos e comportamentos há 150 anos, o jeans começou a ser fabricado em 1872 em Nimes, na França. E é de lá que deriva o seu nome, denim. Utilizado inicialmente no uniforme de mineradores e marinheiros nos Estados Unidos, o jeans foi sendo modificado ao longo da história de acordo com as necessidades da época, fossem elas culturais ou sociais.

Em 1860 surgem os primeiros botões de metal e logo em 1872, surgiram os rebites de metal (originalmente criados nas correias dos cavalos), itens criados com o objetivo e a necessidade funcional de segurar os bolsos das calças que começavam a cair com o peso das pepitas de ouro, e assim, reforçar a costura. Hoje em dia, as tachinhas e rebites atuam também como forte efeito decorativo na peça.

No ano de 1886 surgem as primeiras calças com etiqueta de couro da marca pregada no cós. A cor azul, característica do jeans que conhecemos hoje, surgiu da idéia na década 1890 de tingir o tecido com o corante azul índigo da planta chamada Indigus. Em 1910, nascem os bolsos traseiros.




O jeanswear que foi originalmente destinado a roupas de trabalho, foi popularizado e passou a ser utilizado no cotidiano a partir do século XX e, atualmente, é item indispensável para o mundo na moda.
Em 1930, o jeans atinge a grande massa com a figura dos cowboys norte-americanos retratados nos filmes de western. Durante a década de 1940, o denim foi utilizado tanto na confecção dos uniformes dos soldados na Segunda Guerra Mundial como pelos motoqueiros rebeldes das motos Harley-Davidson. É na década de 1950 que o jeans vira sinônimo da juventude ao ser utilizado junto com a tradicional camiseta branca por Jim Starke, ou melhor, James Dean, no filme Juventude Transviada. Marlon Brando, Elvis Presley e Marilyn Monroe ajudaram a agregar ao jeans o conceito de liberdade, sensualidade e democracia.


A utilização do jeans por músicos como Bob Dylan, Jimi Hendrix e a banda The Beatles na década de 1960 popularizou ainda mais tal vestimenta como peça indispensável de toda a juventude da época, fosse ela politizada ou não. Em 1970, já observamos jeans de todas as maneiras e sendo utilizado por diversas camadas da população, por se tratar de uma peça extremamente funcional e também barata. É nessa década que os hippies introduzem a idéia de customização ao jeans.




O jeans é fascinante por se tratar de um produto de moda altamente sociável e que transita por diferentes gêneros, faixas etárias e classes sociais. O primeiro estilista a colocar o jeans na passarela foi Calvin Klein, estilista norte americano, na década de 1970. Com o desenvolvimento de novas tecnologias, o jeans foi sendo aprimorado e modificado para melhor, a fim de proporcionar cada vez mais um caimento perfeito e desejado tanto pelas mulheres quanto pelos homens. Como exemplo, podemos citar a adição do elastano, como também a inclusão do algodão com o poliéster e o elastano, proporcionando uma grande melhoria estética e funcional.




O jeans sempre esteve presente vestindo as principais conquistas históricas e tecendo as tramas das mudanças de comportamento. Um exemplo de fundamental importância foi quando as mulheres abriram novas possibilidades e frentes de trabalho durante a segunda guerra mundial. Sem os seus maridos e diante do racionamento de tecidos, foram buscar no simbolismo do jeans a segurança e em seu material resistente, a força que precisavam para viver o desconhecido.

Quem não se lembra da sua primeira calça jeans? Peças em jeans assumem um caráter de rebeldia e simplicidade ao mesmo tempo. A imagem e a forma do jeans depende quase por completo de quem o usa. Ou seja, o meu jeans nunca será igual ao seu. O jeans possibilita uma espécie de apego afetivo e interação única entre o vestuário e seu dono.

Com o surgimento das novas fibras (elastano) e tecnologias de lavagem, a moda absorveu o jeans de vez e o transformou em uma peça básica e extremamente necessária no nosso guarda-roupa. Atualmente, todas as grandes marcas possuem uma coleção específica de jeanswear, já que sempre podemos combiná-lo com tudo.

Não seria certo apenas ressaltar o caráter funcional do jeans, já que nos dias de hoje ele assumiu uma posição decorativa e transmissora de mensagens históricas e sociais.

É exatamente na sua evolução peculiar ao longo do tempo e representação na moda, que reside o grande mistério e charme do jeans.

---

Relatório encerrado, etapa concluída. Que venha a próxima!

Um comentário:

Change Your View disse...

Fashion Designers Wanted for Fashion Network

You Spot Fashion is a new Fashion Network here Designers From all over the World can Upload And Sell Their Designs to Buyers around the Globe. All you have to do is register at http://www.youspotfashion.com and follow a few guide lines in how to upload designs:
1 - must go to the utilities area and download the respective Layouts and templates
2 - Adapt your one Designs to the You Spot Fashion Template and don´t forget to place you name in the Labels
3 - Upload both the Image file with a preview of the illustration and the PDF with the illustration and all the flat Sketches and remember only upload the PDF in the option here you fell is the appropriate price for your design
4 - enter the Keywords and a description that best describe your design and choose a category for your Design.

Don´t forget that you can invite your friends and fellow Designers and change comments, reviews, testimonials and more you can post articles and ideas in your “You Spot Fashion” Blog

To have full access to all features of the website, http://www.youspotfashion.com registration is required.

Visit Our Other Websites
http://www.ispotdesign.com
http://www.paintingfashion.com