quinta-feira, 21 de outubro de 2010

O critério da certeza é a experiência



(Salvador Dali)


"Sentimos que, mesmo depois de serem respondidas todas as questões científicas possíveis, os problemas da vida permanecem completamente intactos."

E mais:

"Humor não é um estado de espírito, mas uma visão de mundo."



(Salvador Dali)


Assim sendo,

"As fronteiras da minha linguagem são as fronteiras do meu universo."

(Ludwig Wittgenstein)



Ludwig Joseph Johann Wittgenstein (Viena, 26 de Abril de 1889 — Cambridge, 29 de Abril de 1951), filósofo austríaco, naturalizado britânico, foi um dos principais atores da "virada linguística" na filosofia do século XX. Suas principais contribuições foram feitas nos campos da lógica, filosofia da linguagem, filosofia da matemática e filosofia da mente.

Muitos o consideram o filósofo mais importante do século passado. O único livro de filosofia que publicou em vida, o Tractatus Logico-Philosophicus, de 1922, exerceu profunda influência no desenvolvimento do positivismo lógico. Mais tarde, as idéias por ele formuladas a partir de 1930 e difundidas em Cambridge e Oxford impulsionaram ainda outro movimento filosófico, a chamada "Filosofia da Linguagem Comum".

(Fonte: querida Wikipédia)



----


(Salvador Dali)

Um problema cartesiano? Nem tudo que me parece é???


Wittgenstein é o cara para quem gosta de viajar nos mistérios da linguagem. Lacan, tô chegando. Ainda vou conseguir te devorar..


Um beijo questionador ;*

Um comentário:

R.C disse...

olá Renata,

O Witt é realmente incrível. O Tratado Lógico-Filosófico é realmente uma obra fascinante e complexa, mas é abordada uma questão primordialmente lógica, em que ele expõe suas proposições (que são as sentenças+pensamentos). No que diz respeito à linguagem, o livro Investigações filosóficas - tbm do Witt- seria uma ótima pedida, para tanto, encontrará uma vasta exposição da linguagem.

Frases marcantes!

“Os limites da minha linguagem significa os limites do meu mundo.”
(aforismo 5.6 do Tratado Lógico-Filosófico)

“Eu sou o meu mundo. (o microcosmos).”
(aforismo 5.63 do Tratado Lógico-Filosófico)

...tem que, por assim dizer, deitar fora a escada, depois de ter subido Por ela.
(aforismo 6.54 /5ª linha/ do Tratado Lógico-Filosófico)

“Acerca daquilo de que se não pode falar, tem que se ficar em silencio.”
(aforismo 6.54 do Tratado Lógico-Filosófico)

Gostei muito do blog!