domingo, 11 de maio de 2008

mãe..

ser mãe.. conceito criado ou natural? biológico ou produto do social? quem cria.. quem espera 9 meses na barriga.. quem cuida.. quem educa.. ahh, na teoria as vezés tanto faz.. quero ver mesmo é na prática. Amor incondicional pelo simples fato de ter gerado e planejado e almejado ou não aquela coisinha tão indefesa que é um filho. Indefeso mesmo, completamente.. quando nascemos, ficamos subordinados e ligados como uma extensão.. precisamos de comida, carinho, aconchego, cuidado, calor.. e a verdade é que são poucos os sortudos que conseguem a tranquilidade de gozar dos prazer de ter uma boa mamãe. A verdade é que desde sempre maus tratos de todos os níveis existem.. seja físico ou psicológico. Simplesmente a maioria das mamães não estão preparadas para tal papel. Brincam em uma fantasia sem sentido ou repetem as suas próprias historinhas a seu bel prazer. Rotulam e moldam seus filhos com as suas próprias expectativas, interesses e gostos pessoais. É preciso ficar esperto e reconhecer a hora de cortar o cordão.. acho que ele é cortado aos pouquinhos ao longo de nossas vidas e depois damos o ultimato. As pessoas devem ser vistas em sua individualidade tão mágica.. é preciso reconhecer e aceitar que cada qual é cada qual.. é preciso amar as diferenças e saber somar com eles. Mamães não projetem suas raivas e inseguranças e medos sem fim em seus filhotes. Vamos ser livres. Orientação, cuidado e conselhos são muito bem vindos desde que seja permitido também o livre arbítrio e o direito de vencer ou de quebrar a cara, de uma maneira diferente, igual ou não convencional.. tanto faz.. cada um deve fazer o seu próprio caminho. Não precisamos ser cópias do projeto idealizador de ninguém, a não ser do nosso. Chega de torturas, ameaças e julgamentos que minam o desenvolvimento de novas idéias e criaturas. Precisamos nos libertar da pesada instituição familiar, que tanto nos aprisiona. Ousadia crianças.. discernimento e bom senso mamães!


Pq não ouvir também o outro lado? Pq não ouvir outra verdade? Pq não ficar ciente da outra face da moeda?

Pronto, falei.


Feliz dia das Mães!!!!!!!

Nenhum comentário: